Já é amplamente difundido que as pessoas procuram em uma empresa não somente um bom cargo ou salário, mas também uma função que proporcione qualidade de vida melhor, clima organizacional receptivo e benefícios que são oferecidos a eles.

A carteira de benefícios é um dos fatores que conquistam os funcionários e o empreendedor inteligente deve estar atento a como fazer uma boa gestão, visando, assim, o bem de seus colaboradores e a saúde da sua empresa.

Você sabe gerenciar essa carteira? Nós vamos mostrar, neste post, alguns passos que podem ajudá-lo! Acompanhe:

1. Ter uma plataforma especializada para fazer o acompanhamento

O oferecimento de vantagens pode ser atrativo, mas seja caso mal planejado pode aumentar as burocracias a serem resolvidas no dia a dia.

O mercado atual oferece plataformas que permitem um controle mais seguro e informatizado para acompanhar o fluxo de informações de cada benefício oferecido. Isso é importante para concentrar as informações em um local só, melhorando o trabalho do setor de RH.

Assim, o gasto de tempo e dinheiro com tarefas manuais é reduzido, permitindo um melhor controle para sua empresa.

2. Conter um único fornecedor para gerenciar diferentes cartões

Sabemos que independentemente do tamanho da empresa, os funcionários podem receber vários cartões, cada um com seu respectivo benefício. Muitas vezes, fazer essa gestão individualizada pode ser desgastante e acabar ocorrendo erros que prejudicam tanto os funcionários quanto os gestores.

Existem empresas atualmente responsáveis exclusivamente em fazer esse controle, gerindo, por exemplo, cartão alimentação, refeição, combustível etc.

Optar por esse tipo de fornecedor especializado pode ser uma ajuda para controlar problemas com a gestão de RH, além de reduzir a quantidade de parcerias desnecessárias, já que um parceiro fará todo esse acompanhamento, dando praticidade para o acompanhamento do serviço.

3. Usar os benefícios em seu favor

Como já dissemos, as pessoas buscam a realização profissional não exclusivamente em um cargo bom ou em um salário alto.

Hoje, vários funcionários procuram empresas que se importem com eles, demonstrando interesse pela qualidade de vida de cada um e pela cultura organizacional. Muitas vezes, a carteira de benefícios pode ser usada como forma de motivar seus funcionários.

Oferecimento de boas vantagens é uma maneira de mostrar a preocupação com a vida deles dentro e fora da empresa, portanto, se atente a isso!

4. Manter uma política clara

É de vital importância para uma boa relação entre colaborador e empresa que haja transparência e confiança entre as partes para que se desenvolva um vínculo entre eles

Apresentar a carteira de benefícios, possibilidade de flexibilização, forma de pagamento e em quais percentuais elas são oferecidas é uma boa prática para manter a gestão de forma eficiente.

Eles podem ser o diferencial competitivo que você buscava para se destacar no mercado! Por isso, deixe sempre claro quais e como as vantagens são oferecidas!

E então, leitor, já está por dentro de como gerenciar da melhor maneira a carteira de benefícios? Agora nós podemos ajudá-lo na prática a aplicar todos esses passos!Conheça o Benefícios, uma plataforma que tem tudo o que você precisa em um só lugar!