A fuga de talentos é um dos principais problemas que as organizações enfrentam atualmente e o desafio se torna ainda maior quando observamos esse contexto na gestão de uma Micro e Pequena Empresa (MPE).

Muitas MPEs ainda não se deram conta da importância de investir nos benefícios trabalhistas que vão além daqueles exigidos por lei. Elas acreditam que benefícios como vale-alimentação, refeição e combustível são diferenciais que apenas grandes corporações podem oferecer. E isso está errado!

Quando uma MPE deixa de investir em benefícios, ela também deixa de investir na produtividade e na valorização do colaborador, o que causa impacto direto nos negócios com a queda nas vendas e perda de competitividade no mercado.

Por isso, preparamos este texto para mostrar quais são as opções de benefícios que podem ser oferecidos em uma MPE e por que eles são tão importantes na gestão. Confira:

Tipos de benefícios

Pela CLT, apenas o vale-transporte, FGTS, 13º salário e as férias são benefícios que devem ser oferecidos obrigatoriamente por todas as empresas. Mas há várias outras opções interessantes. Conheça algumas delas:

Vale-alimentação

É bastante vantajoso para a empresa, já que a compra corporativa dos vales gera um custo menor do que o valor recebido. Além disso, é de grande ajuda para o colaborador, porque é aceito em praticamente todas as redes de supermercados, entre outros estabelecimentos.

Vale-refeição

É um modelo mais restrito do que o vale-alimentação, já que seu objetivo é auxiliar os colaboradores que não podem ou não conseguem ir para casa para fazer uma refeição, seja almoço ou jantar. Para as empresas é bastante vantajoso, porque elimina os custos de criação e manutenção de refeitórios.

Vale combustível

Alternativa moderna e eficiente, o vale combustível oferece a opção do funcionário usar o próprio carro para se deslocar até o trabalho. Para a empresa é interessante, pois auxilia o RH a controlar a ajuda de custos e as diárias de viagens, por exemplo.

Plano de saúde

Apesar deste parecer um grande investimento para micro e pequenas empresas, atualmente existem diversos contratos de planos de saúde para atender diferentes empresas, sendo possível negociar coberturas e valores.

O uso dos benefícios na gestão de MPE

Agora que você conheceu um pouco mais sobre as opções de benefícios disponíveis, que tal descobrir por que eles são tão importantes para a gestão das micro e pequenas empresas?

Geram motivação

Sabemos que, justamente por serem micro e pequenas empresas, muitas vezes não é possível oferecer a melhor estrutura, com a mais avançada tecnologia, aos seus colaboradores.

Então que tal reverter um pouco dessa situação e usar os benefícios como uma alavanca para gerar a motivação dos profissionais da sua empresa?

Com o oferecimento dos benefícios certos, você terá a oportunidade de aliviar a tensão do dia a dia e garantirá que seus talentos não o deixarão para trabalhar em algum outro lugar.

Reduzem a taxa de absenteísmo

É fato que funcionários mais felizes e motivados faltam menos ao trabalho. Isso porque felicidade e motivação resultam em mais satisfação com a empresa, mais disposição e também mais saúde.

Portanto, lembre-se de que investir em benefícios é investir também na qualidade de vida dos colaboradores e, consequentemente, na saúde da empresa, que passa a vender e faturar mais.

Aumentam a valorização profissional

A satisfação em trabalhar na empresa é um sentimento cada vez mais valorizado pelos funcionários.

Portanto, a valorização profissional passou também a ser cada vez mais focada nas organizações que buscam por excelência e os benefícios são uma interessante opção para fazer com que os profissionais se sintam relevantes dentro do contexto do negócio.

Percebeu a importância que os benefícios têm na gestão de MPE? Conheça o Benefícios, uma plataforma que tem tudo o que você precisa em um só lugar!