Aumentar a produtividade e o desempenho do time de colaboradores é uma das maiores preocupações de todo gestor. Afinal, é justamente a sua equipe que é a grande responsável pelas conquistas e o sucesso da empresa.

Contar com colaboradores motivados, engajados e atuando em sua produtividade máxima, então, faz-se fundamental para aquelas empresas que querem se consolidar e crescer no mercado. E nesse cenário, é muito importante considerar a política de feedback para a melhoria do desempenho.

A cultura de oferecer retornos sobre a atuação de cada um só tem a fazer bem para a empresa, na medida em que permite que os colaboradores otimizem o seu trabalho, além de aproximar os gestores e todo o time em prol de objetivos comuns.

Neste post, vamos oferecer dicas de como dar um bom feedback para o seu time, uma prática que pode ser o começo de um processo de aprimoramento contínuo, tanto do time quanto da própria organização. Entenda como usar o feedback para melhoria do desempenho dos seus funcionários.

Seja imparcial

Lembre-se de que o feedback é um procedimento de trabalho e, por isso, ele deve ser totalmente imparcial e profissional. Não se deixe levar por emoções ou impressões pessoais no momento de posicionar os seus colaboradores sobre a sua atuação.

O foco aqui deve ser sempre a execução do trabalho, quando devem ser destacados os pontos mais fortes e aqueles que necessitam de ajustes e melhorias. O feedback deve sempre ser uma oportunidade para que cada colaborador possa crescer e otimizar a rotina e produção.

Crie uma cultura de feedback para melhoria do desempenho

Os feedbacks começam a afetar positivamente o desempenho da equipe no momento em que passam a fazer parte da cultura da organização.

É claro que um retorno pontual pode ajudar o seu colaborador a ajustar uma postura, ou realizar um procedimento de forma diferente. Mas para que haja um crescimento constante e uma real melhoria na produtividade e capacidade da equipe, é preciso que o feedback acompanhe o time também em longo prazo.

Estabeleça uma periodicidade e faça com que o seu time perceba a importância desse momento. Pode ter certeza: os encontros passarão a ser esperados e muito melhor aproveitados por todos.

Tenha foco e objetividade

Um bom feedback precisa ir direto ao ponto. A principal função deste retorno é mostrar ao colaborador como o seu trabalho pode ser cada vez melhor. Por isso, é importante discutir com objetividade todas as questões relacionadas ao assunto.

Pontue e elogie aquelas características mais fortes, que fazem com que o colaborador se destaque e analise os pontos mais críticos, buscando oferecer soluções e alternativas de crescimento.

Pense no colaborador

O foco do seu feedback deve ser sempre o próprio colaborador. É claro que uma atuação mais acertada da sua equipe vai ter impactos imediatos no desempenho da empresa como um todo, mas na hora de conversar com cada um sobre a atuação, é importante deixar de lado as suas realizações próprias, bem como suas vontades e opiniões pessoais.

Aqui, a sua função enquanto gestor é guiar e orientar a sua equipe para que seja cada vez melhor.

Não adie o feedback

Uma característica fundamental de um bom feedback é o timing. Não adie a conversa com o seu time, pois assim corre-se o risco de que pontos importantes sejam esquecidos ou percam a força.

Sempre que sentir a necessidade de avaliar um processo, marque uma reunião, e converse bastante, com gentileza e profissionalismo.

Agora que você já sabe como usar o feedback para a melhoria do desempenho dos seus profissionais, é só implantar uma cultura com foco em retornos objetivos e produtivos. Sem dúvidas, os resultados são promissores, com um time cada vez mais motivado e engajado, dentro de uma organização mais coesa e bem preparada.

Agora que você já sabe aplicar o feedback para melhoria do desempenho da sua equipe, aprenda os impactos do reconhecimento profissional na motivação do seu time ao ler o nosso artigo sobre o assunto e cuide cada vez melhor da sua equipe!