Gestão de RH

Gestão horizontal: 5 ideias para implementar

12/04/2018

A gestão horizontal se baseia em dois pilares: autonomia e diálogo. Os princípios se refletem na maneira como as decisões são tomadas: sempre após um consenso entre os colaboradores.

O modelo pode ser aplicado de diferentes formas. Existem organizações que optam por eliminar todos os níveis de hierarquia e outras que preferem manter os cargos de chefia, enquanto alguns departamentos são autogerenciáveis. Empresas como Google e Netflix adotam a gestão horizontal.

Entre os benefícios dessa estrutura estão o maior engajamento dos funcionários e um ambiente de trabalho mais produtivo, que eleva a satisfação do consumidor final.

Veja cinco ideias da gestão horizontal que podem ser aplicadas nas empresas:

1. Abra um canal de diálogo para interação

O primeiro passo é compreender como os canais de diálogo da empresa podem se tornar mais colaborativos. A abertura desses espaços diminui o ruído na comunicação interna e motiva o funcionário, que passa a acreditar que é parte importante do processo de decisões.

Com a gestão horizontal, a comunicação ocorre no mesmo sentido, e a informação que ficava concentrada nos cargos mais importantes passa a fluir pela empresa. Exemplo disso são as consultas via internet/intranet, que reduzem a necessidade de contato pessoal com os cargos de gerência.

2. Incentive o contato entre diferentes áreas e cargos

Uma das propostas principais da horizontalidade está na colaboração entre diferentes áreas da empresa. Os funcionários ficam livres para propor ideias e debater sobre uma proposta, ainda que as equipes tenham autonomia sobre seus projetos.

A diversidade de ideias faz com que seja mais fácil alcançar soluções inovadoras com número menor de pontos fracos, já que eles podem ser observados sob diferentes áreas do conhecimento.

3. Promova a autonomia dos funcionários

Outra etapa importante é a de atribuir autonomia aos colaboradores, ou empowerment.

Com a extinção dos cargos, os funcionários não são mais motivados a galgar posições na empresa, o que diminui o tempo dedicado a disputas internas e aumenta a necessidade de uma figura de liderança. Contudo, em uma gestão horizontal, quem ocupa esse lugar não é visto da mesma maneira que um chefe tradicional, mas como um facilitador de atividades.

O modelo leva tempo para ser incorporado, mas apresenta uma série de vantagens a longo prazo. Uma delas é a rapidez com que os funcionários acabam absorvendo o aprendizado, tornando o processo de decisão mais rápido. Isso acelera a capacidade de resposta da organização para seus clientes e abre uma vantagem da empresa em relação aos concorrentes.

4. Selecione bem os candidatos na contratação

Com uma estrutura de organização pouco convencional, é importante que os futuros funcionários estejam bem alinhados com a cultura que a empresa deseja promover.

No processo de recrutamento, procure candidatos que se sintam estimulados a enfrentar desafios, tenham capacidade de dar respostas rápidas e que consigam organizar o próprio tempo, já que não haverá um chefe monitorando suas atividades.

Além dessas características, o candidato deve ser proativo e capaz de pensar estrategicamente, pois ele terá a oportunidade de tomar atitudes que vão repercutir por muito tempo na empresa.

5. Defina um código de conduta

Mesmo contando com uma estrutura baseada na autogestão e no comprometimento dos colaboradores, é importante ter um código de conduta bem estruturado, pois os conflitos organizacionais não vão deixar de existir.

Aproveite o novo conjunto de regras para aperfeiçoar aspectos da cultura organizacional. Privilegie aspectos que cultivem o bom relacionamento entre funcionários e que desenvolvam a responsabilidade e o empowerment diário.

Use os canais de comunicação como meio para receber sugestões. Lembre que o sucesso da aplicação de um código de conduta está diretamente ligado ao nível de participação do funcionário em sua elaboração.

As ideias foram úteis e ajudaram a enxergar novas possibilidades para a empresa com a gestão horizontal? Então, compartilhe este texto nas suas redes sociais para mais pessoas conhecerem o assunto.

Você também pode gostar

Share This
Navegação