Alguns pequenos e médios empreendedores sempre se perguntam como fazer o trabalho render mais. Em muitos momentos, parece que nenhum dos poucos funcionários que trabalham na empresa está dando o melhor de si. Pode ser que isso ocorra, mas costuma ser um efeito da cultura organizacional que você promove.

Você já deve ter ouvido falar desse conceito. A cultura de uma empresa é um conjunto de paradigmas que ela segue e que se reflete em sua forma de agir e de falar — ou seja, é um conjunto de valores compartilhado entre todos os integrantes.

Isso pode não parecer um ponto a ser trabalho em uma PME (Pequena e Média Empresa), mas é igualmente presente. E trabalhar corretamente a cultura organizacional pode afetar bastante a produtividade de uma equipe.

Para ajudar a melhorar a cultura da sua PME, trouxemos aqui 4 passos práticos que você pode adotar no seu dia a dia. Confira:

Tenha um objetivo claro para a empresa

Ter um norte já resolve mais da metade dos problemas de desalinhamento dentro de uma equipe pequena, ou mesmo em um pequeno conjunto de setores. O objetivo da empresa nem sempre é algo concreto.

Pode ser apenas “criar um negócio sólido que perdure por muitas gerações” ou “sempre agradar ao máximo cada cliente”. É um esquema central que direciona todos os outros aspectos da cultura organizacional.

É bom lembrar que este deve ser um elemento pouco mutável. É a crença central da sua companhia. Se ela não é forte o suficiente para permanecer imutável por algum tempo, talvez você não tenha escolhido o objetivo certo.

Comunique os valores da empresa

Não basta ter uma lista de valores e objetivos, mantê-la em uma gaveta e julgar todos na empresa com base nisso. É importante transmitir essas qualidades e crenças para a equipe, clientes e associados.

Uma cultura organizacional só é bem-sucedida quando todos os que fazem parte da empresa a adotam em algum grau. Portanto, lembre-se de fazer uma reunião com novos funcionários e reforçar essas lições no dia a dia da empresa.

Trabalhe a autonomia dos seus funcionários

Uma equipe funciona melhor quando não precisa de alguém coordenando cada passo que for dado. Autonomia é a capacidade de tomar decisões relevantes por conta própria, sem depender de ordens ou orientação constante.

Uma equipe autônoma tende a refletir melhor a cultura empresarial presente, já que a vive em vez de apenas reproduzir uma série de comandos.

Ponha em prática o que você diz

Por fim, mas não menos importante, uma cultura organizacional bem-sucedida (que de fato é reproduzida pela equipe) é aquela que se vê na prática. Se você, enquanto gestor, não exerce os mesmos valores que exige da sua equipe, além de perder seu respeito, também comprometerá o funcionamento da empresa.

Ser o exemplo é uma obrigação para todo líder, especialmente o dono da companhia. E como você está presente e visível quase todo dia para seus funcionários (não o chefe imaginário das grandes empresas).

Agora que sabe como desenvolver uma cultura organizacional na sua PME.  Conheça o Benefícios, uma plataforma que tem tudo o que você precisa em um só lugar!