Benefícios Corporativos

Cartão benefício de Natal: Por que trocar a cesta física pelo cartão

01/11/2016

As festas de final de ano estão chegando e com elas uma das grandes preocupações do gestor de RH: achar o presente certo para os funcionários da empresa. Uma das formas mais tradicionais, a cesta de alimentos, vem dando lugar ao cartão benefício de natal.

No artigo de hoje, apresentaremos essa nova e moderna opção, mostrando alguns dos seus benefícios para você e para os colaboradores. Vamos lá?

Uma nova possibilidade: cartão benefício de natal

O ato de uma empresa presentear seus funcionários no fim do ano é uma forma de agradecimento. E a ajuda na ceia de natal acabou se tornando uma tradição. Só que o gestor de RH sabe que é impossível conseguir atender a todos os desejos e necessidades com uma cesta física.

É aí que entra em cena o cartão benefício de natal. Com ele, a empresa faz o que nenhum dos formatos mais tradicionais de presente consegue: respeitar a individualidade de cada colaborador.

Cesta personalizada

Há quem adore panetone de frutas e quem prefira o de chocolate. Quem reúne a família para comer o peru com farofa e quem não come carne. Quem vai ficar sozinho, quem tem família grande. Enfim, as realidades são muitas.

É por isso que muitas empresas de benefícios passaram a oferecer o cartão benefício natal. A partir delas as pessoas podem usar esse valor no mercado, açougue ou hortifruti para comprar aquilo que consideram mais necessário ou desejado naquele momento.

Para as empresas também fica muito mais fácil presentear sem pesar no orçamento, já que elas definem o valor a ser disponibilizado para cada funcionário. Além disso, optar pelo cartão acaba com uma dor de cabeça comum: a distribuição de cestas físicas geralmente traz problemas de logística para quem precisa levá-la, mas não tem como. Como são produtos perecíveis, em alguns casos a própria empresa acaba contratando o transporte.

O presente certo

Outra possibilidade que vale a pena mencionar é que o cartão não precisa ser apenas para produtos alimentícios. Na verdade, dependendo da política da empresa, é possível (também) oferecer um cartão presente.

O funcionamento é bem parecido com o de alimentação, mas em vez de serem gastos com comida, seus créditos podem ser aproveitados em livrarias, lojas de utilidades domésticas e em alguns outros segmentos.

Novamente, a preocupação aqui é em respeitar a individualidade. Por mais que muitas empresas busquem nos brindes personalizados uma opção para presentear os colaboradores, ainda assim é impossível conquistar todos com o mesmo item.

E além disso tudo, oferecer uma opção como essa, diferente do tradicional, acaba sendo uma ótima ação de marca junto ao público interno, que reconhece o esforço em presentear respeitando os gostos de cada um. Então, que tal aproveitar esse fim de ano para inovar com o cartão benefício de natal? Se você escolher a solução certa, você tem a possibilidade de pedido antecipado, garantindo que o colaborador receba o seu presente no tempo ideal!

Gostou do nosso artigo? Aproveite a visita no blog para se inscrever na nossa newsletter. Dessa forma, você recebe, de graça, no seu endereço de e-mail, dicas e novidades do universo do RH! É só preencher os campos na coluna à direita e aproveitar!

Você também pode gostar

  • Felipe 21/02/2017 at 21:27

    Oi gente

    Muito bacana esse site,gostei muito meus parabéns. Um abraço

  • Share This
    Navegação